sobre felicidade.

Um tombo aqui, um tropeço ali, um caminho torto, um passo incerto.
Uma sacudida, um sorriso no rosto e sigo em frente.
É que escrevi um bilhetinho assim para mim: 'Não importa quantas vezes a vida queira me dizer o contrário, queira me fazer desistir. A ordem aqui é ser feliz, custe o que custar.'
E é isso. Não há um caminho certo que te leve ao encontro dela, não existe manual de instruções para a felicidade, a gente vai aprendendo com a vida como ser feliz apesar dos pesos e dos pesares.
A vida vai ensinando que felicidade não é um destino, é o caminho. 
E não existe caminho mais bonito que o de dentro. Não há felicidade mais verdadeira  aquela que descobrimos dentro da gente.

Um comentário:

Materialize- se....