Do meu jeito

Sou além do que você vê. Sou tudo o que você não vê, prevê, e um pouco mais.
Misturas, fusões, junções. Mil e uma em uma só. Vários jeitos, trejeitos, vários gestos, vários gostos, cores, sensações. Texto incompleto, rascunhos inacabados, sem roteiros, sem resumos, sem restrições.
Linhas tortas trilhando uma história. De qualquer jeito, a qualquer modo, do meu jeito, meio sem jeito.
Do jeito que eu gosto.
Gosto de intensidades, dos pequenos detalhes, de surpresas, de mistério. Tudo no melhor sentido das palavras, confesso.
De sentir, de ser, de transbordar. De ser tomada pelas emoções, e transcrevê-las. Quando me convém.
Gosto de me ver fluir, me deixa levar, de sorrir, de chorar. De sonhar. Sentir o gosto do que a vida dá.
Gosto do gosto gostoso de viver.
Porque meu jeito é sempre assim:
-sorrir, chorar, cair, levantar. Seguir. Caminhar. Sempre. Sem desistir.

2 comentários:

  1. Tem selinho pra vc no meu Blog (:

    Beijoos!!

    http://pathyoliver.blogspot.com/2011/06/500-seguidores-yupiiii.html

    ResponderExcluir
  2. Essa é a autêntica Monalisa Macêdo!
    A menina, a mulher, a bloggeira, a amiga que eu tanto admiro!

    ResponderExcluir

Materialize- se....